Eleitos pelo PSL, parlamentares esperam maior atenção para a fronteira

Deputados estaduais esperam que Jair Bolsonaro colabore para segurança na fronteira de MS

Os homens do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), deputados mais bem votados de Mato Grosso do Sul, Capitão Contar e Coronel David, ambos do PSL, que atuarão na Assembleia Legislativa a partir do próximo ano, esperam o governo federal mais presente no Estado, principalmente com uma atuação maior na região de fronteira.

Renan Barbosa Contar é capitão do Exército Brasileiro há 16 anos, e de desconhecido entre a maioria, surpreendeu quando o resultado da eleição saiu: foi o deputado estadual mais bem votado na eleição deste ano, com 78.390 votos, de acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE/MS).

Na primeira eleição que disputou, Contar atribui o resultado das urnas à vontade popular. “Há uma necessidade nacional para ter renovação na política e para que os interesses nacionais sejam definidos. Nesse último ano, houve vontade popular, foi falado em intervenção militar e as pessoas clamavam pela volta dos valores militares na política”, declarou.

Por; ce

Pax Primavera