Acusado de estuprar filhas e sobrinha é preso em flagrante no Aero Rancho

O homem foi preso na noite de ontem (31) após ser flagrado violentado a sobrinha no Jardim Carioca. O suspeito ainda tentou fugir para a casa do cunhado, mas foi detido no Aero Rancho

Homem de 49 anos foi preso na noite de ontem (31), no Bairro Aero Rancho, região sul de Campo Grande, suspeito de estuprar as filhas e a sobrinha de 12 anos. O autor foi denunciado por uma das filhas de 19 anos que o flagrou abusando da prima, em uma casa no Jardim Carioca.

A filha que acionou a Polícia Militar acabou confessando que também foi violentada pelo pai dos 6 aos 13 anos. Ela relatou que nunca tinha contado nada a ninguém por medo, pois o suspeito a ameaçava.

Conforme boletim de ocorrência, a jovem relatou que ontem à noite foi até a cozinha e encontrou o seu pai passando a mão nas partes intimas da prima dela. Imediatamente, a filha contou o caso para a mãe da menina, que acionou a Polícia Militar.

Enquanto a mulher fazia a ligação para 190, o autor aproveitou e fugiu para a casa de um cunhado na Rua Bueno, no Bairro Aero Rancho, mas na sequência acabou preso e foi levado para a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher). No entanto, o caso deve ficar a cargo da Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente).

Abusos – A filha contou à Polícia Militar que durante sete anos foi estuprada pelo pai. Por medo, ela nunca denunciou o criminoso, que sempre a ameaçava dizendo que antes de ir preso mataria toda a sua família.

A vítima relembra que a família morava em Bataguassu e os estupros ficaram mais frequentes quando a mãe dela veio passear em Campo Grande e a deixou sozinha com o pai. O fato também foi relatado pela outra filha do autor de 13 anos, que também era violentada. Durante a ocorrência, testemunha afirmou que o homem obrigava as crianças a ver filmes pornográficos.

Questionada sobre a situação, a mãe das jovens disse nunca percebeu nada porque trabalha de terça a sexta-feira e que o pai era muito carinhoso com elas.

Fonte: CG NEWS

http://assomasul.org.br/