Após publicação de matéria no Alvoradainforma, policial de Nova Alvorada reconhece homem que tinha passado nome falso para as Polícias de Nova Andradina e Bataypora

José Leonardo Ferreira, de 29 anos, vulgo 'Neguinho' / Imagens: Jornal da Nova

Ele foi solto depois de ser ouvido na Delegacia, mas acabou preso novamente

Suspeito de furtar loja de produtos agropecuários em Batayporã, preso na madrugada desta segunda-feira (15), se apresentou como Dione Alves de Albuquerque, residente em Nova Alvorada do Sul, mas na verdade, trata-se José Leonardo Ferreira, de 29 anos, vulgo ‘Neguinho’, com mandado de prisão, com pena imposta de oito anos, oito meses e dez dias, de prisão, pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.

Após veiculação de reportagem do Jornal da Nova e reproduzida pelo “Nova Alvorada Informa”, na cidade de Nova Alvorada do Sul, um policial militar daquela cidade reconheceu o suspeito e informou que o nome dele era outro fornecendo todas as informações que demonstravam o verdadeiro nome do mesmo.

A Polícia Militar de Nova Andradina encontrou o suspeito andando pela área central da cidade e durante abordagem, ele disse que havia vindo de Batayporã no dia anterior. Questionado sobre o furto ao estabelecimento da cidade, acabou confessando a autoria do crime.

Durante o interrogatório na Delegacia de Polícia Civil de Batayporã, ele sustentou seu nome e acabou liberado por não estar mais em estado de flagrante, pois o crime ocorreu na última sexta-feira (12).

José é natural de Recife (PE), com passagens de furto na cidade de Nova Alvorada do Sul e inclusive com mandado de prisão com validade até 18/11/2022.

Foto de quando Neguinho foi preso em Nova Alvorada do Sul – Foto: Polícia Civil/Divulgação

A Polícia Civil e Militar de Batayporã saíram em sua procura e uma equipe da PM acabou prendendo ele novamente no início da tarde desta segunda-feira. Além do furto, José vai responder por falsidade ideológica e ficará preso, devido seu mandado de prisão.

Texto; Jornal da Nova

Pax Primavera