Dourados recebe parte do socorro emergencial prometido pelo Estado

Dos R$ 9,2 milhões pactuados, R$ 6,2 milhões foram transferidos ao município.

Já está na conta da Prefeitura de Dourados parte do socorro emergencial prometido ontem (18) pelo Governo do Estado para o município quitar dívidas da Funsaud (Fundação de Serviços de Saúde).

Dos R$ 9,2 milhões pactuados entre o governador Reinaldo Azambuja e o prefeito Alan Guedes, R$ 6,2 milhões foram transferidos nesta sexta-feira (19), anunciou o secretário Sérgio de Paula (Gestão Política).

“Depositado hoje na conta da prefeitura, o recurso tem destino certo: pagamento dos salários dos profissionais da saúde, de dezembro e janeiro, e dos fornecedores”, destacou o secretário de Gestão Política.

Sérgio de Paula e o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, se reuniram em Dourados com o prefeito Alan Guedes e os deputados estaduais Barbosinha e Renato Câmara para anunciar a liberação do recurso.

O socorro financeiro dado pelo Estado à Prefeitura de Dourados evitará a paralisação do atendimento médico oferecido pela Funsaud, que tem a gestão de unidades de saúde – entre elas o Hospital da Vida.

Segundo Geraldo Resende, os outros R$ 3 milhões pactuados com o município serão pagos em duas parcelas de R$ 1,5 milhão – em 30 e 60 dias. “Vamos ajudar a reconstruir a Funsaud”, disse Resende.

Já o prefeito Alan Guedes lembrou que a macrorregião de saúde de Dourados dá apoio a 33 municípios. Ele agradeceu a ajuda do Estado e lembrou do apoio dos deputados Neno Razuk e Zé Teixeira.

Vereadores do município também acompanharam o anúncio. Além deles, esteve presente o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Júnior, que é de Dourados.

Fonte:Enfoque Ms

nota premiada