Gustavo Sprotte, do DEM, é eleito prefeito de Bandeirantes

Em novo pleito eleitoral realizado neste domingo (7), Gustavo Sprotte, do DEM, foi eleito prefeito de Bandeirantes, a 58 quilômetros de Campo Grande. Com 100% das urnas apuradas por volta das 18h05, ele teve 1.493 votos, o que correspondia a 36,25% dos votos válidos, contra 1.344 votos de Zulene Diniz, do PSDB, que teve 32,63%. A diferença de votos entre o primeiro e o segundo colocado foi de 149.

O terceiro lugar, Celso Abrantes, do PSD, foi escolhido por 1.162 dos eleitores, o que corresponde a 28, 21% do total e Milane (PSC) teve 2, 91% dos votos, em números absolutos foram 120.

A eleição ainda somou 38 votos brancos (0,90%) e 88 nulos (2,07%). Ao total foram 4.245 votos contabilizados, dos 6.060 eleitores que estavam aptos a votar nesta eleição.

Entenda o motivo da nova eleição

A nova eleição ocorre porque Álvaro Urt, que foi eleito prefeito de Bandeirantes em 2020, teve o registro de candidatura indeferido, decisão que foi confirmada pelo TRE-MS e pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com isso, os votos obtidos pela chapa de Urt foram anulados definitivamente.

Prisões

Duas pessoas foram conduzidas até a delegacia durante as eleições suplementares deste domingo. Idosa de 72 anos usou título de outra pessoa. Ela chegou a votar e o caso foi informado para o Tribunal Regional Eleitoral Homem de 65 anos também foi detido após ser flagrado tirando foto de uma urna eletrônica. Ambos foram liberados após esclarecimentos.

Por: G1 MS

ALEMS:UNIÃO DE ESFORÇOS