Justiça determina desbloqueio imediato da BR-163 por caminhoneiros bolsonaristas em MS

A Justiça Federal concedeu decisão liminar determinando o desbloqueio imediato na BR-163 em Mato Grosso do Sul. A PRF (Polícia Rodoviária Federal) registra dois pontos de interdições nesta rodovia na manhã desta quinta-feira (9).

Conforme a PRF, a instituição já está de posse da liminar, que determina multa de R$ 10 mil por dia, caso a BR-163 continue interditada. A multa pode ser aplicada ao CNPJ ou CPF dos organizadores. 

“Estamos solicitando, também, à Justiça Federal, liminar semelhante para as demais rodovias federais do Estado”, informou a assessoria de imprensa da PRF.

Manifestações em MS

Manifestação de caminhoneiros que apoiam o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ganha corpo e já tem bloqueios em 4 pontos de rodovias em Mato Grosso do Sul na manhã desta quinta-feira (9). Os motoristas também se posicionam contra ministros do STF (Supremo Tribunal Federal).

Manifestações dos caminhoneiros 

Além de MS, pelo menos outros 10 estados registram pontos de bloqueios de caminhoneiros bolsonaristas: SP, RJ, BA, GO, MA, MG, PA, RS, SC e TO. Em vários pontos, os manifestantes liberam a passagem de carros pequenos e veículos de emergência.

Apesar do apoio ao presidente, os caminhoneiros continuam com os protestos mesmo após Bolsonaro gravar um áudio pedindo para que os manifestantes encerrem o movimento, pois “atrapalha a economia” e “prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres”.

Fonte: Midiamax

Rota do Saneamento