Moradores fecham trânsito na BR-163 em protesto contra cortes de energia

Eles moram em uma ocupação no Jardim Centro-Oeste e pedem a presença da Energisa

Aproximadamente 500 moradores de uma ocupação no Jardim Centro-Oeste fecharam o trânsito na BR-163, saída para São Paulo, em Campo Grande. O protesto é contra os cortes de energia realizados na manhã desta quinta-feira (11). No local há aproximadamente 6 quilômetros de congestionamento nos dois sentidos da via, segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal)

No local além dos manifestantes e da PRF, estão no local a PM (Polícia Militar) e o Corpo de Bombeiros. E representantes da Defensoria Pública estariam a caminho.

A PRF se reuniu com os moradores e pediu para que houvesse a liberação das pistas por 30 minutos, mas eles não aceitaram o pedido. “Não queremos nada de graça. Queremos pagar conta, mas a Energisa tem que vir aqui e falar que vão ligar nossa energia”, disseram ao Jornal Midiamax.

Além da empresa Energisa, os moradores pedem que o prefeito da Capital também compareça ao local. “Só vamos sair daqui se vier um representante da Prefeitura e da Energisa. Vieram pela manhã, sem aviso, cortaram nossa energia, mesmo tendo criança, idoso. Precisando de luz pro equipamento de insulina, nós queremos que regularizem nossa situação. Não é justo fazer isso, não somos cachorros”, disse a manicure,  Marluce Guerreiro de Almeida, 44 anos.

Para o cabeleireiro Wellington Barboza, 40 anos, o fato de ser uma ocupação não justifica não ter um padrão de energia, já que em outros locais de moradia irregulares tem. “Queremos um padrão, a gente não quer nada de graça, a gente quer pagar a conta. No Samambaia tem ordem de despejo, mas eles tem água e luz, tudo regularizado”.

No momento os dois sentidos da via estão parados, e não há previsão de liberação do trânsito.

Fonte;Midiamax

Pax Primavera