Sobe a três o número de brasileiros mortos em acidente em Portugal

Colisão entre van e caminhonete de mercadorias deixou seis mortos e dois feridos graves

As autoridades portuguesas confirmaram que três das seis vítimas mortais de um grave acidente, tratado como tragédia em Portugal, são brasileiras. Felipe Gardim, William Augusto da Silva e Edson Geiza estavam em uma van, que levava funcionários de duas empresas para uma refinaria localizada em Sines. O veículo se chocou com uma caminhonete, pouco antes das 7h locais (3h da madrugada em Brasília), na quinta-feira (21), na estrada que liga Marateca a Alcácer do Sal, na região de Setúbal.

Todas as vítimas confirmadas são sexo masculino. Os portugueses são João Carreira, de Pinhal Novo, Vítor Sousa e Luís Neves, de Setúbal. Os brasileiros são de S. Caetano do Sul (Felipe Gardim), Londrina, (William Augusto da Silva) e Timóteo ( Edson Geiza). Veja os rostos da tragédia da Marateca na galeria acima.

O condutor espanhol foi levado em estado grave ao Hospital de São Bernardo, em Setúbal. O motorista do veículo, de nove lugares, onde seguiam sete pessoas, em princípio, teve o estado geral de saúde considerado estável, mas já chegou ao hospital  em condições graves. As autoridades acreditam que a van teria saído de controle e avançado na contramão, em direção à caminhonete. A colisão contra o veículo de trabalhadores teria sido lateral, ao contrário da informação inicial de choque frontal.

Notícias ao MinutoVeículo de mercadorias onde seguia um cidadão espanhol com destino à Autoeuropa© Olhar Sines no Futuro

Notícias ao MinutoVan na qual seguiam sete passageiros, seis dos quais morreram

Fonte Noticias ao Minuto

Pax Primavera